maio 30, 2009



A Árvore
Ivette Centeno

Chegaste
com tua tesoura de jardineiro
e começaste a cortar:
uma folhas aqui e ali
uns ramos...

Eu estava desprevenida
quando arrancaste a raiz.

Um comentário:

Lucy disse...

Eu amo esse poema.


E a imagem éh perfeita.
Parabéns pela criatividade.